Posts Tagged salário

Um pouco de cada professor na voz da professora Amanda Gurgel

Professora critica educação no estado e vira “heroí­na” nas  redes sociais

Um ví­deo que mos­tra a pro­fes­sora Amanda Gur­gel cri­ti­cando a situ­a­ção da edu­ca­ção

no Rio Grande do Norte durante uma audi­ên­cia pública na Câmara dos Depu­ta­dos

de seu estado fez com que a pro­fes­sora ganhasse admi­ra­do­res por todo o paí­s.

 

O ví­deo que mos­tra a fala de Amanda teve 180 mil visu­a­li­za­ções no You­Tube desde o dia 14, quando foi pos­tado,

e seu nome ficou entre os “tren­ding topics” do Twit­ter — a lista dos temas mais comen­ta­dos da rede social —

entre quarta e quinta-feira.

Amanda mos­trou seu con­tra­che­que de R$ 930 aos depu­ta­dos e enu­me­rou algu­mas das difi­cul­da­des encon­tra­das

pelos pro­fes­so­res no estado, além dos bai­xos salá­rios: trans­porte pre­cá­rio, salas de aula super­lo­ta­das e até a

proi­bi­ção aos pro­fes­so­res de come­rem a merenda ofe­re­cida aos alu­nos.

A pro­fes­sora tam­bém cri­ti­cou a secre­tá­ria de Edu­ca­ção do RN, Betâ­nia Rama­lho.

“A secre­tá­ria disse que não pode­mos ser ime­di­a­tis­tas, que pre­ci­sa­mos pen­sar a longo prazo.

Mas a minha neces­si­dade de ali­men­ta­ção é ime­di­ata”, disse. “Pedi­mos res­peito, pedi­mos que a senhora

não vai a mídia pedindo fle­xi­bi­li­dade, como se fôs­se­mos res­pon­sá­veis pelo caos”, afir­mou, referindo-se

à greve da cate­go­ria.

Com uma fala segura e firme, Amanda disse que não sen­tia ver­go­nha de mos­trar seu con­tra­che­que ao

público pre­sente na audi­ên­cia. “Quem deve­ria estar cons­tran­gido são vocês”, disse, dirigindo-se aos

depu­ta­dos e à secre­tá­ria Betâ­nia.

 

Veja o depoimento da professora Amanda Gurgel:

 

E aqui em São Paulo será que o tratamento dado ao professor é diferente?

 

,

Comments

Quanto custa um deputado federal?

Neste momento de eleição não podemos deixar de apresentar uma questão matemática de extrema relevância.

Qual o custo de  um deputado federal?

No geral as pessoas reclamam dos salários recebidos pelos deputados federais no Brasil, mas não tem a mínima idéia que o custo é muito maior , pois além do salário, cada deputado tem direito as seguintes verbas:

De modo geral, todos os 513 deputados federais recebem verbas para gastar, por exemplo em material de escritório e pagar os salários de até 25 assessores parlamentares. Veja alguns desses ítens:
Verba de gabinete: R$ 60.000,00 (pagamento de salários dos 25 assessores).

Verba Indenizatória: R$ 15.000,00 (cobre gastos com gasolina, comida, hospedagem, aluguel de escritório e consultoria).

Auxílio Moradia: RS 3.000,00

Verba para cota postal, telefônica e banda larga: 4.000,00.

Verba para impressões e assinaturas: R$ 1.000,00 (Com isso eles podem imprimir o que quiserem e assinar diversos jornais e revistas).

Verba para passagens aéreas: R$ 9.000,00 (detalhe que eles não precisam justificar o motivo dos gastos com viagem, pode ser até uma despedida de solteiro de um amigo).

Verba para assistência médica: Ilimitado (Isso mesmo, eles podem gastar a quantia que for com saúde).
E além disso
se o deputado gastar menos em um dos itens, ele pode gastar em outros, e ainda tem o salário que é de R$: 16.512,00 mais o 13º, 14º e 15º salários.

Fazendo-se um cálculo rápido, a partir dos dados apresentados, cada deputado repesenta no mímino um custo de R$ 158.048,00 por mês.

Em um ano R$1896,576 e em um mandato R$ 7586,304.

Na hora de votar, lembre-se disso!

E se fizermos o mesmo levantamento para um senador?Será que é mais ou menos?

Fonte: Superinteressante

, ,

Comments