Arte & Matemática

Até hoje não con­se­gui com­prar esta série da TV Cul­tura (mas con­ti­nuo sonhando), que ao meu ver é um talismã que deve­ria exis­tir em todas as bibli­o­te­cas públi­cas e pri­va­das. Quem sabe o nosso Minis­tro da Edu­ca­ção não resolve dar uma mão­zi­nha, pois desta forma esta­ria aju­dando a dis­se­mi­nar e melho­rar tanto a lin­gua­gem quanto o ensino da Mate­má­tica. Pois esta série retrata muito bem a Arte da Matemática.

Fonte: TV Cul­tura

Comentários

Matemática e as profissoões

profissoes

A Mate­má­tica está pre­sente em todas as pro­fis­sões. A seguir, o pro­jeto M3 da Uni­camp, apre­senta alguns rela­tos de pro­fis­si­o­nais gra­du­a­dos que uti­li­zam a mate­má­tica como “fer­ra­menta” em diver­sos con­tex­tos e aplicações.

Comentários

Novo Telecurso — MATEMÁTICA — Ensino Médio

novo-telecursoAula de mate­má­tica ensino médio do Novo Tele­curso

Comentários

Rumo aos Fractais

Frac­tais (do latim frac­tus, fra­ção, que­brado) são figu­ras da geo­me­tria não-Euclidiana.

A geo­me­tria frac­tal é o ramo da mate­má­tica que estuda as pro­pri­e­da­des e com­por­ta­mento dos frac­tais. Des­creve mui­tas situ­a­ções que não podem ser expli­ca­das facil­mente pela geo­me­tria clás­sica, e foram apli­ca­das em ciên­cia, tec­no­lo­gia e arte gerada por com­pu­ta­dor. As raí­zes con­cei­tu­ais dos frac­tais remon­tam as ten­ta­ti­vas de medir o tama­nho de obje­tos para os quais as defi­ni­ções tra­di­ci­o­nais base­a­das na geo­me­tria eucli­di­ana falham.

Um frac­tal é um objeto geo­mé­trico que pode ser divi­dido em par­tes, cada uma das quais seme­lhante ao objeto ori­gi­nal. Diz-se que os frac­tais têm infi­ni­tos deta­lhes, são geral­mente autos­si­mi­la­res e inde­pen­dem de escala. Em mui­tos casos um frac­tal pode ser gerado por um padrão repe­tido, tipi­ca­mente um pro­cesso recor­rente ou iterativo.

O termo foi cri­ado em 1975 por Benoît Man­del­brot, mate­má­tico fran­cês nas­cido na Poló­nia, que des­co­briu a geo­me­tria frac­tal na década de 70 do século XX, a par­tir do adje­tivo latino frac­tus, do verbo fran­gere, que sig­ni­fica quebrar.

Vários tipos de frac­tais foram ori­gi­nal­mente estu­da­dos como obje­tos matemáticos.

Fonte: Wiki­pe­dia

Comentários

FUVEST 2015 — 1ª FASE — CORREÇÃO MATEMÁTICA

FuvestCor­re­ção da FUVEST 2015, MATEMÁTICA,  rea­li­zada pelo ETAPA-RESOLVE:

 

 

 

45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 fuvest-2015-1fase gabarito_geral_2015_1fase

FONTE: ETAPA

Related Posts with Thumbnails

Comentários